PARCERIA COM

terça-feira, 8 de março de 2011

Momento de Reflexão sobre o carnaval.

O carnaval é uma festa profana criada desde a Antiguidade, de acordo com historiadores esta festa é destinada a celebração, veneração e adoração de deuses gregos, especialmente Baco, o deus do vinho e da embriaguez. A origem da palavra carnaval é carrum navalis (carro naval). Essa etimologia, entretanto, já foi contestada. Atualmente a mais aceita é a que liga a palavra "carnaval" a carne vale, ou seja, adeus à carne, uma espécie de último momento de alegria e festejos profanos antes do período triste da quaresma.
Em outras palavras, faz-se tudo que a carne quer e deseja, o que inclui drogas, prostituição, adultérios, encontros irresponsáveis e fortuitos, álcool a ponto de embriagar e levar o indivíduo a brigar, matar e destruir-se,
Depois de passado esses dias de orgias, muitos ou alguns voltam e simplesmente para desencargo de conciência, tentam se consertar e justificar com DEUS e acha que está tudo bem, não fiz nada de errado..... apenas me diverti um pouco, que mal a nisso?
Infelizmente esse modo de pensar está na mente de muitos, inclusive daqueles que se dizem Cristãos.
Percebemos que com o passar do tempo, essa folia se torna cada vez mais depravada, mais desmoralizada, o pudor e respeito caem no esquecimento, apoiada maciçamente pela mídia e pelos meios governamentais, este último, desperdiça vultosas verbas, enquanto as prioridades do cotidiano ficam desfalcadas na sua íntegra.
Terminado esses dias de orgias, tudo parece voltar ao normal.....será?
Façam um balanço, uma análise das consequência gerada nesses dias de aparente diversão, valeu a pena?
Em muitos lares terminado esses dias, será o inicio de um período de muita dor e tristeza, provocadas por imprudências, bebedeiras e drogas, e que deixará marcas profundas em muitas famílias para sempre.
Em Romanos:6:23 diz= “Porque o salário do pecado é a morte.......Uma alma morta não tem vida. Cortada de Deus a alma seca e morre, porque ao se distanciar de DEUS, a criatura se embrenha nas trevas e acaba caindo num profundo abismo.
Porém enquanto a vida a esperança, se deveras voltarmos para DEUS, Ele é fiel e justo para nos perdoar e libertar de toda as artimanhas do inimigo, está lá em 1 João 1:9 = Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça.
Portanto não devemos permitir que o inimigo nos iluda com essas orgias, que a princípio parece ser prazeirosa e inocente, no entanto, são mundanas e profanas, porque sabemos que ele almeja, tem por objetivo único, nos afastar do caminho do SENHOR.
Jesus nos alertou sabiamente sobre esse procedimento satãnico quando disse em João 10--9 e 10 =Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens.
O ladrão (satanas) não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância.
Portanto devemos refletir muito sobre o que fazermos durante esse período carnavalesco, permanecemos ou afastamos nos do Verdadeiro Caminho que o Senhor nos mostra, sabemos entretanto que Ele nos dá o livre arbítrio, a escolha é individual,
cabe a cada um decidir qual caminho trilhar; o que JESUS nos mostra ou aquele que satanas aponta e que parece mais prazeiroso .......

Um comentário:

Lucas Janusckiewicz Coletta disse...

Ótimo comentário sobre o Carnaval, pois no Brasil as pessoas agem como loucos e depois se portam como nada tivessem feito de errado.